9 de ago de 2019

Resenha de The Umbrella Academy! - Viciei

Depois de passar muitos dias sem nada para ver na Netflix, comecei a fuçar desesperadamente por alguma série que suprisse minha necessidade por alguma novidade nessas férias, foi ai que rondando o catálogo encontrei "Umbrella Academy" yay.
  Não vou mentir, de início achei o nome ridículo. Mas não sei porque, passou uma vibe Desventuras em Série quando assisti o trailer (depois de ter terminado, ainda tenho essa sensação), mas ao longo dos episódios percebi que faz todo o sentido, incluindo as lindas artes que aparecem durante as aberturas.

Leia também:

 (+) Séries de Comédia Pouco Conhecidas 1 (Clicando aqui)

 (+) Séries Pouco Conhecidas de Comédia 2  (Clicando aqui)

 (+) 5 Séries Para Maratonar!  (Clicando aqui)

 (+) Filmes Adolescentes Clichês Para Assistir!  (Clicando aqui)
 (+) O que vi nas últimas férias? (clique aqui)


 Logo de início somos apresentados a entender a formação dessa família de super-heróis (lembrando que todos são adotivos e nenhum tem alguma ligação de sangue). Tudo começou em 1989,  43 crianças ao reder do mundo nasceram de forma inexplicável, então o bilionário Reginald Hargreeves adotou o máximo que conseguiu, 7 deles.
 Alguns fatos heroicos são mostrados, com a exceção de Vanya, a número Sete, que não apresenta nenhum dom como seus irmãos. No velório de seu pai, cinco deles se reuniram, e em seguida somos informados da morte de Seis e Cinco aparece vindo do futuro querendo prevenir um apocalipse.


  Dentre os poderes, Luther tem super força, Diego habilidades de arremeço, Allison consegue alterar a realidade por hipnose, Klaus pode entrar em contato com os mortos, Ben possui tentáculos e Cinco tem a habilidade de teletransporte, sendo assim, Vanya é apresentada como "a excluida" do grupo.



  No início me encontrei completamente perdida em relação a grande quantidade de personagens apresentados, mas ao longo do minuto 20 fui me situando do roteiro. A série ganha um ritmo maior a partir do momento que Cinco aparece (meu personagem favorito) e o fato de ser inspirada em uma HQ é muito interessante e que chamou bastante minha atenção.
  Os irmãos são repletos de intrigas e assuntos inacabados entre si, algo que é desenvolvido de forma progressiva durante os episódios. Colocam também um pequeno toque cômico que deixa a série bem mais interessante, até mesmo em personagens que estão tentando afetar a família, como Hazel e Cha-cha.



  A animação foi se diluindo aos pouquinhos quando cheguei pela metade, devido enredos prevísiveis e entruturas narrativas consideradas clichês. O que me prendeu mesmo foi a boa construção dos personagens, principalmente a evolução de Quatro durante os episódios, já personagens como Vanya e Luther se mostravam infinitivamente confusos em relação a todos os aspectos de suas personalidades.
  Lembrando que a trilha sonora me deixou completamente entusiasmada e tive que procurar playlists no Spotify depois de maratonar.


   Ainda assim, uma série perfeita para quem não tem nada para assistir no momento. São dez episódios de em média 50 minutos (com uma segunda temporada confirmada!), e uma qualidade  de imagens e efeitos que não deixam a desejar (até aspectos bizarros como um macaco mordomo tornaram-se normal no contexto).


 ðŸ’–💖💖💖💔 (4,5)





  Já assistiram? Me contem o que acharam do post! Caso tenham gostado da resenha, posso torna-las mais frequentes novamentes por aqui! Beijão!

3 comentários:

  1. Ah eu adoroo essa série, não tanto pela história mas por ser criada pelo Gerard Way vocalista do My Chemical Romance, maravilhosooo ♥ juntamente com as ilustrações do Gabriel Bá que é brasileiro, muito orgulhinho dos meninos!
    Adorei seu blog :)

    https://www.heyimwiththeband.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Já ansiosa para a segunda temporada hehe :)

    https://www.heyimwiththeband.com.br/

    ResponderExcluir

Eu fiz esta postagem com muito amor e carinho, e gostaria muito que dividisse sua opinião, mas tenha bom senso! pelo menos leia o post. Clique na opção "Notifique-me" para saber quanto te responder! ♥