18/12/2017

Mudando de Escola

 Do fundo do meu bloco de notas para um texto sobre o meu primeiro dia de aula do ano passado. Sei que muita gente pode se identificar, então espero muito que gostem, fiz com o coração.
----💖----


  Acordei com uma chamada da minha mãe, estava bastante atrasada, o que iria fazer naquela hora? todo mundo ia me achar uma idiota, primeiro dia de aula em uma escola nova não era pra qualquer um.
  Me arrumei ligeiramente, pedi pra minha mãe se apressar umas 3 vezes durante o percurso e finalmente cheguei. Era ali.
  Abro a porta com uma ansiedade sem igual, e desço as escadas como se minha vida dependesse disso, era estranho. Era estranho estar ali, não conhecer ninguém e me deparar com rostos diferentes do que os de costume.
 Era ali, aquela era a sala. O lugar onde poderiam me odiar ou simplesmente gostar de mim. Queria me esconder, o mais rápido que podia, em poucos minutos já havia me arrependido de ter falado pra minha mãe ir logo.
 Em meio á tantos abraços e sorrisos de volta as aulas, todo mundo revendo seus amigos e as pessoas que mais amam e eu ali, com os braços cruzados e cara fechada tentando raciocinar o que fazer. Só escolhi uma cadeira qualquer próxima a porta e sentei, fingindo me distrair com o celular.
 "Oi... se eu fosse você não ficaria com essa cara fechada e tentaria se enturmar com o pessoal" uma menina me disse, em pé ao meu lado. "Será mesmo? Acho que mesmo se eu tentasse não conseguiria, estou com muito medo, não costumo a mudar muito de escolas" eu disse, com receio. "Só tenta se enturmar..." não sabia o que fazer.
 "Bom dia turma" uma professora que nunca tinha visto na vida disse, enquanto eu tentava raciocinar qual era a matéria que ela ensinava. Vieram várias alunas que a dava abraços e falavam que sentiam saudade, então pelo menos pensei que fosse uma boa pessoa. Passaram algumas aulas e ainda me sentia mais deslocada do que nunca. Sabe, em meio a tantos desconhecidos nem o material mais fofo do mundo, que havia feito o maior escândalo pra comprar tudo perfeito, preencheria o vazio que estava naquele momento. Queria meus antigos amigos, minha antiga escola, sentia falta até mesmo dos corredores que já havia tropeçado dezenas de vezes, dos meus bom dias aos funcionários, tudo.
 A aula acabou e embora meu desespero, eu percebi que mudanças são difíceis, até demais, mas com o tempo vamos nos situando e nos identificando com o lugar. O ser humano é capaz de se adaptar até mesmo aos lugares mais difíceis.

 24/01/2016

4 comentários:

  1. Mudar é sempre tão difícil, né?

    ResponderExcluir
  2. Primeiro quero elogiar seu sapato porque é igual o meu haha <3 Segundo, miga, vai com tudo. Mudanças são complicadas mais tudo sempre dá certo :)

    Beijos!
    www.memorizeis.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaaaa, amo esse sapato, parece até que só uso ele hahah! Muito obrigada Viviane, sua linda *-*❤

      Excluir

Eu fiz esta postagem com muito amor e carinho, e gostaria muito que dividisse sua opinião, mas tenha bom senso! pelo menos leia o post. Clique na opção "Notifique-me" para saber quanto te responder! ♥